Na sessão desta quarta-feira (26), a Câmara Municipal de São Carlos aprovou, por unanimidade, o projeto de lei Nº 549, de autoria do vereador Roselei Françoso (REDE), que denomina “Angelo do Prado” a rua 8 no bairro Vida Nova São Carlos.

Na justificativa do projeto, o Vereador Roselei afirma que atribui o nome de Angelo do Prado a rua do novo bairro do município de São Carlos por ele ser modelo a ser seguido pela sociedade hoje, por ser um homem de caráter íntegro, cheio de valores éticos e morais, que teve a honestidade como uma de suas maiores virtudes, característica tão escassa nos dias de hoje. Na oportunidade, o nobre Vereador destacou a paixão do homenageado pela viola caipira, sua carreira profissional, vida, família e legado.

Vereador Rolesei, destacou ainda que Sr. Angelo do Prado é pai do Jornalista e Radialista Sidney Prado, que atuou na Câmara Municipal de São Carlos como assessor parlamentar e hoje trabalha na comunicação escrita e falada da Diocese de São Carlos.

Um apaixonado pela Viola Caipira

Seu Angelo do Prado, era amante e aficionado pela viola caipira, desde cedo até falecer em São Carlos sempre esteve envolvido e prestigiando os artistas que passaram pelo Clube da Viola que existe no município a mais de 40 anos, bem como o Cantinho da Viola do SESC São Carlos, entre outros.

No dia de seu velório, em 27 de junho de 2018, Peão Dourado e Fratuse prestaram a ele uma justa homenagem.

27072691_1592240944195236_1432094784284459158_n

Carreira Profissional

Por 78 anos, ele foi inspiração para muitos aqui na Terra. Dedicou toda sua vida ao trabalho árduo e plantou sementes que jamais se apagarão da história. Desde cedo, ajudava seus pais nos trabalhos agropecuários, trabalhando na fazenda na qual nasceu.

Mais tarde, “seu” Angelo sai em busca de novas oportunidades e passa a residir na cidade, começando a trabalhar no serviço industrial, passando pela Indústria Metalúrgica Ricetti, Lápis Johann Faber S/A, Indústria e Comércio Pereira Lopes S/A.

No dia 28 de outubro de 1980, “seu” Angelo chega à Vega Engenharia Ambiental S/A, onde trabalha por 18 anos e na qual se aposenta.

Vida

O “seu” Angelo do Prado nasceu no dia 15 de março de 1940, na fazenda Santa Cândida no município de São Carlos. Com seu jeito matuto, mas trabalhador, não era um doutor, mas um ser humano de coração enorme e acolhedor.

Movido pela coragem, enfrentou desafios ousados, correu em busca dos seus sonhos e fez história. Um homem de caráter íntegro, cheio de valores éticos e morais, que teve a honestidade como uma de suas maiores virtudes. Esse homem foi o “seu” Angelo do Prado.

O caçula de 9 irmãos, veio de família simples: seus pais, Francisco Antonio do Prado e a senhora Anna Pinheiro do Prado, o educaram com muita dignidade. Não tinha luxo na moradia, foram muitas noites frias nas quais, às vezes, precisava dormir no chão, mas não faltava o pão.

Família

“Seu” Angelo era casado com a Senhora Maria Aparecida da Cruz do Prado: estavam juntos há mais de 27 anos, tendo se casado no dia 29 de junho de 1991, na Paróquia de Santa Madre Cabrini, em São Carlos. O matrimônio rendeu a ele um filho, Sidney Rogério do Prado, Jornalista e Radialista atuante na comunicação da Diocese de São Carlos e na Rádio Diocesana a SDS 93,3 FM.

Por amor, consideração, gratidão e criação, uma filha, Eliandra Maria da Cruz que é empreendedora no ramo alimentício. A estes ensinou desde que eram crianças que seria com o suor do trabalho que se tornariam pessoas dignas e de princípios semelhantes aos seus.

Católico, participava da comunidade de São Nicolau de Flüe, na cidade de São Carlos: discreto, mas sempre atuante e contribuindo da sua forma com a vida dessa paróquia.

Ao concluir a sua fala o Vereador Roselei Françoso, enfatizou que foi-se um homem com grandes princípios e qualidades: “Um pai amoroso, um esposo dedicado, um homem bom. Mas ficou todo o seu legado. Ele foi autor de uma história de grandeza, digna de um vencedor, que nos enche de orgulho e que, com toda certeza, ainda será ouvida por muitas gerações e jamais esquecida. Por isso tudo, merece esta justa homenagem deste Poder Legislativo”, concluiu.