A Câmara Municipal realizou nesta sexta-feira (22), no Teatro do SESC, uma sessão solene para entrega do título de Cidadão Honorário de São Carlos a Orlando Mengatti Filho, conhecido como Nino Mengatti, secretário municipal de Educação. A concessão do título, oficializada pelo Decreto-Legislativo No. 935, proposto pelo vereador Daniel Lima, ocorreu “em reconhecimento à notável contribuição prestada ao nosso município”.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O vereador e atual presidente da casa Lucão Fernandes (MDB) presidiu a solenidade, que contou com a presença dos vereadores Roselei Françoso (Rede), Rodson Magno do Carmo (PSDB), Daniel Lima (PSB), Azuaite Martins de França (Cidadania) e Laíde das Graças Simões (MDB). Também compareceram ao evento o prefeito, Airton Garcia Ferreira; a dirigente Regional de Ensino de São Carlos, Débora Gonzáles Costa Blanco; a gerente do SESC São Carlos, Vilma de Marchi; o ex-deputado estadual, Roberto Massafera; o Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo e Procurador de Justiça do Ministério Público, Dimas Ramalho; o vice-prefeito de Araraquara, Damiano Neto; a secretária de Assistência Social de Itirapina, Mari Leila, representando o prefeito de Itirapina; o vereador e 1º Secretário da Câmara Municipal de Matão, Lucas Greco; a diretora pedagógica da Secretaria Municipal de Educação de São Carlos, Cilmara Ruy e o prefeito de Matão, José Edinaldo Esquetini.

Orlando Mengatti Filho, nascido em 25 de maio de 1963 em Itápolis, filho do comerciante Orlando Mengatti e de Rosa Beretta Mengatti e neto do são-carlense Antônio Mengatti, nascido em 1897. Após passar a infância em Matão, Nino estudou no Seminário Diocesano de São Carlos entre os anos de 1974 a 1981, período em que tomou contato com movimentos sociais e iniciou sua militância política participando ativamente da campanha pela Anistia.

Posteriormente, assumiu a frente de campanhas pelas “Diretas Já”, pela Assembleia Nacional Constituinte e pelo Presidencialismo. Foi Assessor Parlamentar da Câmara dos Deputados entre os anos de 1991 a 2005 e teve destacada atuação para a conquista de recursos para nossa região, em especial para a construção da Biblioteca Comunitária da UFSCar.

Foi secretário de Governo, Educação, Segurança e presidente da Morada do Sol S/A em Araraquara, entre os anos de 2008 a 2016. Graduado em gestão pública no Centro Universitário Claretiano de Rio Claro, em 2017 assumiu a secretaria de Educação de São Carlos.

No cargo, teve atuação relevante para reestruturar o Centro Municipal de Artes e Cultura (CEMAC); fundar o Centro de Formação dos Profissionais da Educação (CeFPE) no Palacete Conde do Pinhal e o Centro Municipal de Extensão e Atividades Recreativas (CEMEAR); zerar o déficit de vagas na fase 5/6 anos e construir seis novas escolas. Também organizou a central de vagas e sob seu comando a rede municipal superou já em 2018 os índices do IDEB previstos para 2020. A Secretaria organizou o concurso público para Diretores, Supervisores e Coordenadores Pedagógicos da SME. Na justificativa do projeto de decreto legislativo para a concessão do título de cidadania, o vereador Daniel Lima destacou que “com sua atuação, Nino Mengatti contribuiu de forma decisiva para a conquista de mais de 50 milhões de reais junto aos Governos Federal e Estadual durante a gestão do prefeito Airton Garcia para obras de infraestrutura, saúde e educação”.