SOLIDARIEDADE – Crianças recebem vestidos doados pelo projeto.

Por REDAÇÃO SÃO CARLOS AGORA. Imagem crédito: Raphael Lobo.

O projeto As Vestideiras está se mobilizando para presentear neste Natal crianças de Santa Eudóxia. A campanha acontece até o dia 15 de dezembro e trabalha com a perspectiva de doar camisetas e vestidos para 450 crianças, entre 1 a 15 anos.

Os pontos de arrecadações são:  Avatim, Hering (Shopping Iguatemi), Mercearia 3M, Armazém de Maria, Casa de Carnes Carrara, Legaban Cafeteria, Equilíbrio Moda e Les Cloches.

Membros do projeto As Vestideiras estarão, ainda, no dia 24 de novembro, das 15h às 20h, na Praça da XV fazendo arrecadação para Campanha de Natal.

De acordo com a idealizadora do projeto, Natália Berrocá, de 26 anos, no mês de outubro As Vestideiras, junto de estabelecimentos locais, em parceria com a Casa Amarela Noivas (Campinas), conseguiu doar 620 vestidos, 234 bermudas, 377 camisetas, 350 bolas e 423 bonecas para as crianças do Sertão Pernambucano. A carga foi transportada gratuitamente pela Azul Linhas Áreas.

“Foi uma campanha muito positiva. Entregamos esta doação pessoalmente às crianças”, afirmou Naty.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Sobre As Vestideiras

As vestideira foi inspirado nos trabalhos sociais realizados pela americana Lilian Weber, uma senhora de 99 anos do estado de Iowa, nos Estados Unidos, que dedicou os últimos anos a costurar um vestido por dia para a associação filantrópica Little Dresses for Africa (Pequenos Vestidos para África), uma instituição beneficente cristã que distribui vestidos para meninas carentes em todo o continente africano.

Em São Carlos, as atividades iniciaram em Outubro de 2017 e, nesses dois anos, de projeto vestiu 3 mil meninas de Brumadinho, do norte de Minas, do Sertão de Pernambuco, refugiados Sírios, de Guiné-Bissau, Angola e São Carlos.

Por que vestidos? Vestidos são um símbolo forte da feminilidade e permitem crianças em situação de risco social aprenderem a se amar e se cuidar. É uma peça única e versátil que acompanha essas meninas por um longo período de sua vida.

Além de costureiras voluntárias para confeccionar os vestidos, As Vestideiras conta com as doações de tecidos, vestidos usados. De acordo com Naty, há um tempo projeto vem tentado implementar as doações de camisetas e bermudas para os meninos, uma vez eles ficam muito tristes ao verem as meninas recebendo os vestidos e eles não.

O projeto As Vestideiras também foi apresentado no 1 ° modulo do curso técnico em Administração da ETEC Paulino Botelho ( na Escola Estadual Attília Prado Margarido) e atualmente tem como função apresentar a importância da responsabilidade social para os alunos bem com aprender na prática como implementar a teoria.